Pimenta Rosa

Diário do Quintal – Pimenta Rosa

Nos fundos da casa que habita o Tear, é guardado um espaço de cultivo de si e da terra, onde o encantamento da brincadeira faz brotar universos.

20/05/2015

Essas frutinhas vermelhas que eu venho mostrar, são de uma árvore nativa que eu já vim aqui falar. Bolinhas que dão em cacho, colorem o dia, frutos que são sobremesa de Sabiá.
No quintal do Tear elas se espalharam, mas muita gente ainda desconhece o seu paladar. Da casca da árvore Mãe, se faz um chá, um santo remédio conhecido pela medicina popular.

No velho mundo ela é especiaria de muito valor, sendo na França apreciada pelos chefs de bistrô.
Já disse muito, sou tagarela, conseguem adivinhar quem é ela?

Foi apelidada de Pimenta Rosa, mas mesmo com esse nome, asseguro que ela não é picante, tem um sabor elegante, um docinho de flor.

Quem nos dá esse presente vermelhinho, é uma antiga árvore tearteira, que quase pula o muro do vizinho… é a nossa comadre Aroeira.

Num dia de prosa, a comadre me contou que existem receitas deliciosas com os frutinhos que brotou. Vamos pesquisar mais sobre a Pimenta Rosa?

Algumas http://www.cybercook.com.br/receita/pimenta-rosa.html?palavra=pimenta+rosa” target=”_blank”>receitas encontradas na net

Esse post foi publicado originalmente na nossa página do facebook: https://www.facebook.com/institutotear

navegue no astrolábio